Xico Graziano fala aos professores

Sustentabilidade. O termo é palavra de ordem no século XXI, e é levado em consideração em todo o tipo de discussão sobre desenvolvimento. Diversos posicionamentos quanto a questões sociais, ambientais, econômicas e políticas precisam são confrontados quando se trata desse conceito. Trazendo mais uma opinião ao debate sobre as práticas e implicações de um desenvolvimento sustentável, o Colégio Bandeirantes convidou Xico Graziano, agrônomo, mestre em Economia Agrária e doutor em Administração, que acumula em sua vida política a experiência de Secretário do Meio Ambiente do Estado de São Paulo e Deputado Federal.

Logo que começou a palestra, Xico Graziano mostrou-se grato pela oportunidade de estar num ambiente de ensino. “Eu gosto mesmo é de ser professor. A vida pública me afastou da academia, mas sempre gostei de dar aulas”, contou o agrônomo que lecionou na UNESP durante 16 anos. Sua palestra começou com um panorama histórico do desenvolvimento da economia agrária no Brasil desde o descobrimento, passou pelos dilemas enfrentados no presente e perspectivas para o futuro. “Muitas questões debatidas ainda hoje no Brasil foram importantes, mas estão ultrapassadas. Não podemos fazer julgamentos baseados em paradigmas antigos”, afirmou.

O professor Guilherme de Benedictis, organizador da palestra, salientou o caráter transdisciplinar do debate, “Não foi um assunto interessante apenas para a cadeira de Geografia, pois não se restringiu a aspectos da agronomia. Pudemos englobar vários assuntos, o que tornou a palestra mais interessante para todos os participantes”.